Se você tiver alguma reclamação e/ou sugestão, por favor, envie um e-mail para: progmusicparadise@gmail.com
If you have any complaints and/or suggestions, please send an e-mail to: progmusicparadise@gmail.com

sábado, 25 de maio de 2019

Angipatch - Delirium - 1981 (Space/Electronic/Synth Pop Progressive Rock {France})

Angipatch foi uma banda francesa progressista fundada em Lyon, França,
em 1970 e se desfez em 1983.
O nome "Angipatch" vem da associação das duas primeiras letras
do nome cristão de cada membro.
Eles estavam ativos desde os anos setenta
quando lançaram um single intitulado "Rêves/Terre des vilains" em 1976.
Sua estréia oficial, um álbum conceitual,
foi publicado em 1981 sob o título "Vie" (ou seja, "Vida").
O estilo de Angipatch foi comparado a Ange, Atoll e Mona Lisa,
o que significa um rock sinfônico teatral e teatral
com ênfase em letras poéticas (aqui uma fábula ecológica).
Mas, enquanto Ange escolhera o caminho "comercial" naquele momento ("Moteur"),
Angipatch ainda estava arraigado nos anos setenta com o uso
de magníficos sintetizadores, frequentemente próximos de Manfred Mann.
Na verdade, o som deles era uma mistura de rock progressivo sinfônico
baseado em sintetizadores com música new wave e rock poético.
Equilibrado entre o som pop típico do início dos anos 80
e o movimento sinfônico rock dos anos 70,
"Vie" é um álbum muito interessante por sua sinceridade e habilidade artesanal.
Na verdade, Angipatch nunca vendeu suas almas para a indústria da música.
Um álbum raro com um som delicado, apesar de alguns vocais monótonos bastante pobres.
No álbum seguinte ("Delirium") lançado em 1982,
a banda continuou progredindo, apresentando um trabalho mais maduro.
Este é mais um álbum conceitual, uma fábula sobre embriaguez com, ainda, uma mensagem ecológica.
A música é ambiciosa também, apresentando faixas mais longas, épicos reais e alguns efeitos.
Produção privada, como foi o primeiro álbum "Vie",
"Delirium", apesar de uma excelente mixagem nos estúdios Maison Rouge (Londres),
não conseguiu encontrar o seu público em um período pós-punk e new wave.
A banda lançou um single (e um vídeo) chamado "Star", que é claramente pop.
Angipatch se separou depois disto.
Nem "Vie" nem "Delirium" estão disponíveis em CD.

⭐⭐⭐⭐⭐

Angipatch was a French progressive band founded in Lyon, France
in 1970 and disbanded in 1983.
The name "Angipatch" comes from the association of the two first letters
from each member's Christian name.
They had been active since the seventies
when they released a single entitled "Rêves/Terre des vilains" in 1976.
Their official debut, a concept album,
was published in 1981 under the title "Vie" (i.e. "Life").
Angipatch's style has been compared to Ange, Atoll and Mona Lisa,
which means a keyboard-driven and theatrical symphonic rock
with emphasis on poetic lyrics (here an ecological fable).
But, while Ange had chosen the "commercial" path at that moment ("Moteur"),
Angipatch was still rooted in the seventies with the use
of gorgeous synthesizers often close to Manfred Mann's.
In fact, their sound was a mix of synthesizers-based symphonic progressive rock
with new wave music and poetic rock.
Balanced between the early eighties' typical pop sound
and the seventies symphonic rock movement,
"Vie" is a very interesting album by its sincerity and home-made craftsmanship.
Indeed Angipatch never sold their souls to the music industry.
A rare album with a delicate sound despite some rather poor monotonous vocals.
On the following album ("Delirium") released in 1982,
the band kept on progressing, presenting a more mature opus. 
This is a concept album once again, a fable about drunkenness with still an ecological message.
The music is ambitious too, featuring longer tracks, real epics and some effects.
Privately produced, as was the first album "Vie",
"Delirium", despite a superb mix in the Maison Rouge studios (London),
couldn't find its public in a post punk and new wave period.
The band, released a single (and a video) called "Star" which is clearly pop oriented.
Angipatch separated after that.
Neither "Vie" nor "Delirium" are available on CD.

Membros
Daniel Gandrey - vocais
André Paccoud - guitarra elétrica de 6 e 12 cordas
Christian Bettoum - teclados, seqüenciador, vocoder, vocais de apoio
Gilles Masson - baixo, vocais de apoio
Francois Ceggara - bateria, percussão

01. Delirium: a) Introduction
b) Alcool c) Le voyage
d) Le délire e) Hallucination
02. Le tableau
03. Ballade pour un défunt
04. Atomique
05. Miroir
06. Bleu, vert
07.Delirium: La fuite

Mp3 320 kbps and full artworks: enjoy!

Angipatch - Delirium - 1981 (full album)

Nenhum comentário: